<p>Diga-o com uma carta: &ldquo;M&atilde;e, est&aacute;s a fazer tudo bem&rdquo;</p>

Diga-o com uma carta: “Mãe, estás a fazer tudo bem”

0
Ser mãe não é fácil, tenham os seus filhos a idade que tiverem: estar disponível, compreender e educar a tempo inteiro exige um enorme esforço! E você sabe-o bem: no dia-a-dia, existem por vezes momentos críticos que geram em nós sentimentos de insegurança ou de culpa e frustração; é por isso que queremos que se sinta apoiada e incentivamo-la a dizer: "ninguém disse que ser mãe era fácil, mas acredita: és uma boa mãe e todo este esforço vale mesmo a pena". Faça o download desta carta e dedique-a a quem ama.

Aqui tem uma carta para descarregar e dedicar algumas palavras àquela mãe, ou mães, que admira. Pode ser uma carta que dedica à sua mãe, mas também a qualquer mulher que a inspire e que precise daquelas palavras de apoio que você saberá dizer-lhe.

As marcas da P&G, como Olay, Pantene, Oral-B ou Gillette Venus tornaram-nas possível, porque sabem como é importante saber agradecer ou reconhecer os esforços dos outros.

Descarregue a sua carta aqui >

O positivo que é dizer a alguém o que sente

As pessoas que expressam as suas emoções sentem-se mais livres, uma vez que a "libertação emocional" provoca uma sensação de tranquilidade. Além disso, aceitar e ser capaz de expressar os nossos sentimentos ajuda-nos a respeitar-nos a nós mesmos e a relacionar-nos com a nossa própria essência.

Quando expressa o que sente ou como se sente, pode tornar as relações com as outras pessoas mais saudáveis, mas claro, fazendo-o sempre com o devido respeito. Quando nos mostramos como somos, sem medo das nossas emoções, projetamos uma personalidade mais autêntica.

A felicidade está intimamente relacionada com a busca da paz interior e isto é possível desde que sejamos sinceros connosco mesmo e expressemos as nossas emoções adequadamente. Viver o presente, prestar atenção às coisas positivas da vida, aprender a ser você mesma e gerir corretamente as suas emoções é a chave para encontrar a “felici-paz”.

A importância de expressar os sentimentos

 

Expressar aquilo de que gostamos, o que nos deixa com medo, dizer as coisas que nos provocam alegria... Expressar a nossa gratidão ou mostrar sinais de desculpas é o que nos ajuda a libertar e a partilhar os nossos sentimentos, e é a melhor maneira de nos sentirmos bem.

Além disso, abrir o coração e ser sincero, partilhar admiração, reconhecimento e coragem não só nos ajuda a nós, mas também a quem recebe essas palavras. E não sabe tão bem quando nos dizem coisas bonitas?

Se tem filhos, preocupe-se em que eles aprendam a expressar livremente o que sentem, o que temem e o que gostam. Ouça-os e seja muito explícita na expressão dos afetos. Não importa quantos anos tenham: precisam de sentir que são amados e aprender a gerir as suas emoções.

Como posso expressar-me e demonstrar o meu amor?

Para com os seus pais, para com os seus amigos, para com o seu companheiro ou cônjuge, para com os seus filhos: com pequenas coisas, surpreenda-os de vez em quando com algo que os faça felizes, acompanhe-os nos momentos importantes das suas vidas, esteja presente e interesse-se pelo que acontece com eles.

Pode dizer-lho com palavras e também com atos, dedique-lhes tempo, converse com eles, fale bem com eles e fale bem deles. E diga-lhes o quanto os ama mil e uma vezes. Partilhe os seus sentimentos, mostre-se disponível se precisarem de si e não deixe que o tempo ou a rotina os distanciem.

 

Já fez o download da sua carta? Descarregue-a, imprima-a e escreva-a à mão, passando para o papel os sentimentos que deseja partilhar com aquela mãe em quem está a pensar. Ah! Tem várias? Então imprima várias cópias e que nada a impeça de comunicar o seu amor, o seu reconhecimento e o seu respeito.

 

 

0

Quer escrever um comentário?