Compotas e doces

Compotas e doces

0
Como prepará-las para se aguentarem em perfeitas condições.

Adoro fazer compotas! E como tenho o privilégio de ter alguma fruta e legumes caseiros aproveito sempre para preparar frascos e frasquinhos de doces caseiros que depois ofereço no Natal à família e amigos chegados.

Da minha cozinha saíram já os primeiros frascos de compota deste ano. No verão, de pêssego e tomate. E agora é altura do doce de abóbora, da marmelada e da geleia. É tempo de colocar mãos à obra e aproveitar a fruta e os legumes que abundam, e começar a preparar estes mimos que saem diretamente das nossas cozinhas. Sem pressas e sem stresses.

Para quem não sabe bem como começar, deixo aqui algumas dicas acerca da reutilização dos frascos e da preparação das compotas para que não tenham grandes dúvidas acerca de como fazer!

As compotas aguentam-se durante anos - e portanto é claro que duram até ao Natal sem se estragarem - desde que usem frascos devidamente esterilizados e que cumpram o rácio de 800 g de açúcar para cerca de 1 kg de fruta (é o açúcar que conserva e que faz a compota durar bastante tempo sem se estragar. Se fizerem receitas com pouco açúcar, devem sempre guardar as compotas no frigorífico e consumi-las rapidamente, pois não vão aguentar muito tempo, não sendo por isso receitas ideais para fazer agora e oferecer no Natal!).

Cá em casa não se compram frascos para colocar as compotas. Reutilize os frascos de vidro para guardar as suas compotas: deve usar frascos com tampas metálicas e não plásticas (que são mais propícias ao desenvolvimento de bactérias). Lave-os bem com água quente e um pouco de Fairy e retire-lhes os rótulos. Eu costumo deixar os meus frascos de molho em água bem quente com o detergente e depois, com um esfregão palha de aço fininho (daqueles que já têm sabão) esfrego bem. Além do rótulo sair na perfeição, retira também os restos de cola, deixando os frascos como novos.

Depois de bem lavados, há que esterilizar os frascos. Pode colocá-los numa panela cheia de água, juntamente com as tampas e deixar ferver uns minutos, deixando depois secar antes de os utilizar. Poderá também colocá-los no micro-ondas durante 1 ou 2 minutos, retirando-os depois com cuidado e utilizando-os de seguida.

Outro método, e talvez o mais divulgado e conhecido é depois de ter os frascos bem lavados com água quente e Fairy, coloque-os no forno a cerca de 160° durante 10 minutos. Ao fim desse tempo retire-os e encha-os ainda mornos.

Depois de fazer a compota e encher os frascos, feche-os ainda quentes e vire-os de "cabeça para baixo" durante 2 horas. Isto vai permitir criar um vácuo natural que ajudará a conservar o doce.

Outra alternativa para criar vácuo e conservar o doce mais tempo é colocar os frascos numa panela, e encher com água quente até cerca de metade da altura dos frascos. Depois é ferver 15 minutos e deixar os frascos arrefecer na água antes de os retirar e limpar.

Para decorar os seus frascos de compotas faça umas etiquetas bonitas e cole-as nos frascos. Pode fazer à mão ou utilizar o computador e criar etiquetas de acordo com a sua imaginação. Depois decore os frascos com fitinhas e tecidos a seu gosto. Guarde os frasquinhos nem local fresco e seco até à altura de consumir, ou de oferecer.

Se seguir todas estas dicas será difícil que a sua compota não se aguente em perfeitas condições por muito tempo. E agora, está à espera de quê para fazer as suas compotas?!

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

0

Quer escrever um comentário?