Menopausa: defenda-se!

Menopausa: defenda-se!

Mudanças de humor, cansaço e falta de energia podem ser sinais de que poderá estar a entrar na menopausa. Mas não se assuste! Tome as medidas necessárias e evite que a revolução das hormonas, responsável por estes sintomas, tome conta de si.


O que é a menopausa?

Perceber em que é que consiste a menopausa é essencial para que possa aceitar de bom grado esta nova etapa na sua vida.

Alterações no seu corpo

Na maioria das mulheres, a partir dos 40 anos, o funcionamento dos ovários reduz-se progressivamente, deixando de produzir estrogénios (hormonas femininas). Isto significa que eventualmente as menstruações irão cessar e o seu organismo terá de se habituar a essa privação de hormonas.

Uma vez que os órgãos deixam de receber estrogénio, é natural que o seu corpo se ressinta. Consequentemente, o risco de sofrer de uma doença cardiovascular e de perder densidade óssea aumenta. É preciso tomar muita atenção ao lado psíquico, que também é afetado com todas estas mudanças fisiológicas.

Fique alerta

De acordo com a Sociedade Portuguesa de Menopausa (SPM), os sintomas de menopausa são:

Sintomas vasomotores: afrontamentos, calores súbitos, sudação, cefaleias.

Sintomas psíquicos: humor depressivo, Insónias, irritabilidade.

Sintomas urogenitais: incontinência urinária, secura da vagina, dificuldades sexuais.

Sintomas Cardiovasculares: aumento da pressão arterial e do colesterol, pré-cardialgias, alterações no E.C.G.

Outros: paragem das menstruações, aumento de peso, modificação da pele e do cabelo, dores ósseas.

Para mais informações, consulte o site da SPM, aqui.

Registration

Torne-se membro do Para Mim e beneficie de ofertas exclusivas

Torne-se Membro

Tratamentos

Por vezes, são aconselhados os tratamentos de compensação hormonal. Informe-se junto do seu médico para saber se, no seu caso, este será o método mais indicado.

Vida saudável

Faça uma dieta que a ajude a equilibrar o metabolismo dos lípidos, ou seja, a combater a gordura que se acumula no sangue. Todas nós sabemos que o excesso de peso é um problema de saúde e que para evitá-lo não há nada melhor do que (re)aprender a comer e praticar exercício físico.

Alimentação adequada

Soja: os especialistas dizem que é o alimento mais indicado para combater os efeitos da menopausa, já que é rico em fitoestrogénios. Desta forma, previne a osteoporose e o surgimento de doenças de foro cardiovascular.

Vegetais e fruta: alimentos muito nutritivos, que ajudam a manter os níveis de colesterol sob controle. Para além disso, têm poucas calorias e contêm fibra, o que faz deles a opção indicada para perder peso.

Lacticínios: é muito importante consumir produtos ricos em cálcio, nesta fase da sua vida. Como está suscetível a perder alguma densidade óssea, convém consumir as quantidades adequadas.

Peixe e ovos: as vitaminas são essenciais em qualquer etapa da nossa vida, mas é na menopausa que temos que estar mais atentas. A vitamina D é essencial porque promove a fixação de cálcio. O atum, o salmão, as sardinhas e os ovos são alguns exemplos de alimentos que fornecem esta vitamina.

Cereais integrais e frutos secos: contêm minerais como o ferro e o magnésio, que protegem a saúde dos ossos.

Exercício físico

A atividade física é essencial para ganhar massa muscular, bem como para fortalecer a sua estrutura óssea. Caminhe e ande de bicicleta diariamente, pratique exercícios de resistência. Opte por aulas de grupo que lhe deem vontade de se mexer e que promovam a sua boa disposição, como o step, a aeróbica ou a dança.

Dica: Coma chocolate que contenha uma percentagem elevada de cacau. Para além de ser antioxidante e energético, também a fará sentir-se mais feliz! E não se preocupe, consumir dois quadrados por dia não afeta o seu peso.



*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico. ***

Confirme os seus dados pessoais

Para finalizar o processo, preencha por favor os dados seguintes