O QUE ACONTECE NA PELE QUANDO UM HOMEM SE BARBEIA?

O QUE ACONTECE NA PELE QUANDO UM HOMEM SE BARBEIA?

Sabemos muitas coisas sobre o barbeado, mas talvez nunca se tenha debruçado sobre o assunto sob um ponto físico e científico. Mas se o fizer, ficará a compreender melhor a irritação e a saber como preveni-la com as ferramentas adequadas.


O que é “física e verdadeiramente” o barbeado

Normalmente, costumamos considerar que barbear é eliminar os pelos. E em parte está certo: a máquina de barbear, com as suas lâminas, ao deslizar na pele elimina facilmente os pelos que encontra, opondo-lhes resistência. Corta-os rente à pele (idealmente), no ponto onde irrompem.

Mas, claro, aí está a questão: desliza na pele, passa sobre a pele, uma e outra vez (passagens e repetições de passagens que um homem faz quando se barbeia), por isso é importante usar uma máquina de barbear e um complemento adequado, como um gel ou uma espuma, que proteja a pele da passagem das lâminas e da máquina de barbear. E usar uma boa técnica!

Não é só pelos, também é pele

Temos tendência a pensar, erradamente, que a passagem da máquina de barbear só afeta os pelos, mas não. O que acontece então quando o barbeado não é correto? A irritação, claro. E cuidado: para proteger a pele da irritação temos os geles, espumas e as máquinas de barbear com tecnologia de ponta, além da aprendizagem e da experiência.

Passar e voltar a passar

Alguma vez pensou no número total de passagens e repetições de passagens envolvidas no barbeado? Entende-se por "passagem" o gesto de passar a máquina de barbear numa zona nova, por onde não se passou antes e que, por isso, deve estar protegida com gel ou espuma. As repetições de passagens são, portanto, as passagens repetitivas que damos numa sona já trabalhada, que perdeu o gel protetor e que, por conseguinte, se encontra mais exposta. Aprendizagem: quantas mais vezes passarmos por uma zona, mais a irritamos, porque a pele ressente-se e a não ser que voltemos a aplicar espuma ou gel, não está devidamente protegida.

Registration

Torne-se membro do Para Mim e beneficie de ofertas exclusivas

Torne-se Membro

O que se pode fazer para evitar a irritação?

  • Utilizar bons produtos para o barbeado: máquina de barbear avançada com 5 lâminas + gel ou espuma + tratamento calmante e hidratante após o barbeado.
  • Paciência. Barbear-se com pressa (tal como tudo o que se faz à pressa) não resulta. É preciso barbear o máximo com o menor número possível de passagens, mas devagar.
  • Técnica Pro e mão especialista: poucas passagens e sem exercer pressão. Se pressionar a lâmina na pele pode fazer mais danos do que a eficácia que consegue.
  • Barbear-se depois de um duche quente: o vapor e a água quente amolecem os pelos da barba e abrem os poros, suavizando o barbeado.
  • Descanso: depois de aplicar o gel de barbear, deixe-o descansar na pele durante 1-2 minutos, uma vez que ajuda a amolecer ainda mais os pelos e facilita o trabalho das lâminas.
  • Recargas: uma das principais causas da irritação são as recargas gastas. Se notar que as lâminas deslizam pior ou repuxam mais do que o habitual, está na altura de colocar uma recarga nova!
  • Proteja a 100 %:
    • Barbeie o rosto até eliminar a espuma, apenas com passagens.
    • Lave o rosto e veja como ficou.
    • Precisa de uma nova passagem? Volte a aplicar espuma ou gel nessas zonas e passe novamente a máquina de barbear.
    • Se puder usar um escudo... Use-o

Recomendamos-lhe a nova máquina de barbear da Gillette, Gillette Fusion Proshield, ela é o seu escudo! Literalmente. A sua característica mais interessante é a sua nova cabeça: com duas faixas lubrificantes dispostas antes e depois das lâminas, protege a pele como um escudo em cada passagem, evitando o risco de irritação durante o barbeado. É atualmente a máquina de barbear mais avançada da Gillette. Por aqui, os nossos maridos e namorados nem sequer pensaram duas vezes e mudaram rapidamente para a mais recente novidade; a sua teoria é que se existe algo melhor, por que não usá-lo?

5 erros que dão má fama ao barbeado

  • Barbear-se a seco ou com água fria = risco de irritação
  • Barbear-se com as lâminas gastas ou oxidadas = elevado risco de irritação
  • Barbear-se com pressa e pressão = elevado risco de irritação
  • Aplicar um aftershave com álcool = elevado risco de irritação
  • Usar um aparelho que não satisfaça as nossas necessidades. Nem pensar: mude para a Gillette, mais concretamente, para a Gillette Proshield.

E você? Qual é a sua opinião depois de ler este artigo? Deixe-nos um comentário e conte-nos! Pode ler mais sobre a nova Gillette Proshield clicando aqui.

Confirme os seus dados pessoais

Para finalizar o processo, preencha por favor os dados seguintes

A exposição é correta, por experiência própria, eu passo, repasso e volto a passar, a minha pele fica sempre irritada!!

  • Reportar